9.agosto.2010

Naquela cidade todo mundo tinha a voz parecida.

Todos os nossos dias vão ser assim?
Todos…
E os deles?
Você não lembra?
Não. Já faz tempo… muito tempo…
Os deles são sempre iguais. Não são como os nossos…
E as noites?
As noites doem, por isso eles dormem pouco e sonham sempre em preto e branco…

Aqui faz frio, não é?
Faz, mas pode encostar…

Essa noite eu sonhei com você, de novo…
O que aconteceu?
Aquela mesma coisa de sempre… dessa vez em preto e branco…

Você acha que demora?
Não sei. Isso nunca aconteceu comigo antes…

Leite…
O quem tem?
Oi?
Você disse leite…
Não disse…
Esquisito, pensei ter escutado…

Anúncios